Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2010

Fiquei à espera da declaração do nosso primeiro-ministro anunciada para as vinte horas de ontem. Sabia que seria curta. No máximo cinco minutos, pensei. Foram quatro. Era evidente que por maior que fosse a popularidade de um líder, nunca é bom competir contra um jogo do Benfica. Terminada a declaração, fiquei um bocado desiludido. Não por o Primeiro-ministro não ter dito nada de novo, como injustamente os líderes das bancadas da oposição afirmaram. Mas porque não aproveitou o dia maravilhoso que teve. Começou o dia de ontem com as declarações do Procurador-geral da República que não só o ilibavam de qualquer crime como o punham acima de qualquer suspeita. Nada mal. Mas o glorioso dia continuou na já famosa Comissão de Ética, Cultura e Sociedade. O director do Diário Económico atacou os seus colegas do dia anterior e anunciou lapidarmente que vitimizações destas só fazem mal à profissão. A seguir tivemos Arons de Carvalho que, previsivelmente, não só repetiu toda a versão oficial da história da TVI como ainda confessou ter sido também ele pressionado por Mário Crespo quando estava na RTP. Foi um dia em cheio para o nosso José Sócrates. É por isto que eu esperava, sendo tão guerreiro e batalhador, que Sócrates aumentasse a parada. Por exemplo, que dissesse que a única coisa de que o podiam acusar era de ser um espontâneo, uma pessoa frontal que diz tudo o que lhe passa pela cabeça. Isto explicava os seus ataques de fúria, as suas declarações contra o Jornal de Sexta, Mário Crespo, e mais alguma coisinha que neste momento não me lembro. Depois podia ter concluído com um “sim, eu sou assim, sincero. Processem-me por não ser um sonso”. Nesse momento, a plateia em delírio começava a aplaudir de pé e mudava de canal para ver o Benfica com uma excelente disposição. Mas não foi assim. Fora isso, tudo bem.



Publicada por Carlos Quevedo às 23:15
Comentar

Comentários:
De João de Lagoa a 21 de Fevereiro de 2010 às 13:32
Mesmo em Política o povo quer é Futebol!...:)


Comentar post

Arquivo do blogue
Subscrever feeds
blogs SAPO