Segunda-feira, 8 de Setembro de 2008

Finalmente a Dra. Manuel Ferreira Leite falou. O seu discurso foi um discurso normal para um líder da oposição. Só Vitalino Canas ficou surpreendido com a senhora. Disse que ela teve «uma linha de puro bota-abaixismo, que já vem do congresso que a elegeu como presidente do PSD». O que esperava Vitalino? Um elogio ao governo, talvez. Mas a democracia portuguesa ainda não está suficientemente preparada para suportar uma expressão de admiração por parte da oposição. Eu próprio fiquei estupefacto com a ingenuidade de Vitalino. Devia militar na Unita. Ontem, quando estavam contados a metade dos votos e davam 81 por cento a favor do MPLA, a malta da oposição angolana declarava que ainda era cedo para afirmar seja o que for. Vitalino tem esse inabalável optimismo. Não é muito saudável ser assim. O PS, como todo o país, estava expectante para ouvir falar Manuela Ferreira Leite mas nem pela cabeça da família de José Sócrates podia alguma vez passar que ia ouvir algum aplauso ao governo do seu Zé. Pelo contrário: as apostas eram mais sobre onde é que ia ser a pancada. Se na cara ou mais abaixo, ou ainda mais abaixo do que abaixo. Só Vitalino ficou desiludido com a Manuela e as suas objecções. Por trás daquela cara de pitbull, há uma pessoa sensível. Bem-haja para todos. Mas não devia ser este o porta-voz do PS. Vitalino Canas não suporta a ingratidão da oposição. Por outro lado, devo também dar o meu conselho à sra. Dra. e aos seus estrategas. Façam o favor ao interesse público de não pouparem no café e de cortarem nos tranquilizantes. Tudo o que foi dito ontem por Ferreira Leite, podia ter sido dito em Julho. Não é preciso reflectir tanto nem ir à Universidade. Se vão fiscalizar o governo minuto a minuto, não podem levar dois meses a manifestar o vosso descontentamento. Fora isso, tudo bem.



Publicada por Carlos Quevedo às 23:54

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Arquivo do blogue
Subscrever feeds
blogs SAPO